Postado em 29 de janeiro de 2021 | por Mamma

Ricette della Mamma: crostata de parmesão da Mamma!

4 minutos para ler

No dia 20 de Janeiro foi comemorado o Dia do Queijo, mas como boa cheese lover a Mamma não poderia deixar de falar mais sobre esse insumo tão essencial nas receitas da casa e ensinar uma deliciosa receita de crostata de parmesão.

Os queijos em geral possuem uma forte capacidade de se adequar a quase todos os formatos e texturas: cabe à sua criatividade e paladar decidir qual a melhor maneira de degustá-lo!

Uma boa forma de apreciar esse ingrediente é em uma Crostata de Parmesão da Mamma. As crostatas são criadas a partir da massa das pizzas. A diferença está na forma de manuseio e preparo dessa entrada tão especial.

Calma, vamos te contar tudo por aqui! Que tal antes saber um pouco mais sobre a história desse queijo de tanta personalidade, que é o Parmesão?

A história do Queijo Parmesão

Há aproximadamente oito séculos, em Emília Romana, no norte da Itália, surge o Queijo Parmigiano-Reggiano. Criado pelos monges Beneditinos, o queijo carrega consigo um importante mérito: o queijo mais antigo do mundo!

Por isso, quando falamos do Queijo Parmesão, estamos falando também de muita cultura e tradição italiana. Desde a sua criação, ele se espalhou pelo mundo e chegou ao Brasil ao final do século XIX, junto com os imigrantes italianos.

Queijo parmesão ralado.

Entretanto, por volta do ano de 1955, entendendo a importância da preservação da cultura local, os italianos criaram uma série de fatores para que um queijo fosse considerado de fato um Parmesão, e até a audição apurada de um queijeiro entra nessa equação.

Para começar, as vacas que fornecem o leite para a produção desse queijo precisam ser alimentadas apenas de ervas frescas, alfafa ou feno. Vale lembrar também que o Parmigiano original é feito do leite de vitela, e não de vacas adultas.

Uma vez que o leite é coletado, passa por um processo de coalho natural e, em seguida, entra o trabalho dos mestres queijeiros. Eles separam o leite do soro para que a massa tenha a textura ideal: nem muito seca e nem muito mole.

No primeiro momento, o Parmesão tem a textura muito similar à da Ricota, e só adere ao formato que conhecemos após passar por um processo de achatamento e ganhar a sua famosa forma redonda.

Para fazer uma seleção dos queijos que estão aptos ao mercado, os queijeiros precisam contar também com uma apurada audição: com um martelo apropriado, eles batem levemente no queijo já pronto. Caso o som saia seco, indica que o produto tem qualidade. Caso haja algum eco, ele é descartado, pois estamos falando então de um insumo com cavidades em seu interior.

Uau, são muitas as etapas percorridas até que se possa chamar de fato um queijo de Parmesão. Extraordinário, não é mesmo?! Por aqui, mostraremos como unir esse sabor marcante e tradicional à massa da Mamma, para que seus antipasti e degustações nunca mais sejam os mesmos. 

Crostata de Parmesão

Ingredientes (rende 16 unidades)

Preparo

Crostatas da Mamma. Foto: Derek Mangabeira.

Com o auxílio de um rolo, abra a massa fazendo discos de 40 centímetros de diâmetro. Transfira para um tabuleiro e salpique queijo parmesão sobre a massa.

Leve ao forno pré-aquecido em temperatura máxima por aproximadamente 3 a 4 minutos, até que a massa comece a levantar, desprendendo do fundo do tabuleiro.

Retire do forno e corte a crostata em tiras retangulares de 3 por 10 centímetros. Então, volte com o tabuleiro para o forno por, aproximadamente, 6 a 7 minutos, até dourar e ficar crocante. Retire, regue com azeite de oliva e sirva.

Ah! Essa crostata harmoniza de forma indescritível com o vinho Primitivo, rótulo da Mamma presente em todas as casas!

Agora que você já conhece a receita da Crostata de Parmesão da Mamma e como harmonizá-la, que tal assinar a nossa newsletter no final da página? Assim, você garante que receberá as nossas novidades direto em seu e-mail!