Para um bom pizza lover, todo dia é dia de comer pizza. Mas já que existe um dia dedicado somente à essa delícia, que tal comemorar em dobro?
Postado em July 3, 2020 | por Mamma

Dia Mundial da Pizza: seu momento chegou, pizzalover!

7 minutos para ler

 

A Mamma está sempre atenta aos detalhes, e quando se trata de datas comemorativas é sempre um momento para rechear o cardápio, trazer novidades quentinhas do forno e proporcionar grandes experiências e boas lembranças

 

E claro que o Dia Mundial da Pizza ganha destaque e grandes celebrações por aqui. Chegou a hora para aqueles que são apaixonados pelas redondas e não trocam o seu sabor favorito por nada. A pizza é a personagem principal das casas da Mamma Jamma, e temos muito orgulho de contar essa história. 

 

Mas antes de falarmos sobre as delícias, os sabores e as combinações que criamos, vamos te levar em uma viagem para onde tudo começou! Siete pronti? A história vai começar!

 

A origem 

Muitos imaginam que a pizza surgiu na Itália, mas essa história não começou em território italiano. Acredita-se que, na verdade, tudo começou com os egípcios, onde a mistura de farinha com água resultou em uma espécie de massa.

 

De acordo com historiadores, há mais de 5.000 anos, egípcios, babilônios e hebreus usavam a massa que na época era chamada de “pão de Abraão”, um tipo de pão sem fermento, lembrando os pães árabes que conhecemos. Foi com as cruzadas que esse “pão” chegou na Itália, dando origem à pizza como conhecemos hoje.

 

Mamma mia: a história da pizza na Itália

Amassar a pizza com as mãos é uma tradição, e a Mamma honra essa tradição com todos os gestos.

Foto: Derek Mangabeira.

Como dissemos, as coberturas eram bem simples e nada muito elaboradas, somente ervas e azeites regionais eram os ingredientes típicos da pizza. Mas os italianos resolveram dar um toque especial adicionando molho de tomate. E não pense que as pizzas já eram em formato de disco, elas eram dobradas ao meio como um calzone.

 

Na época esse alimento era destinado às pessoas simples no sul da Itália e tudo mudou próximo ao primeiro milênio quando surgiu o termo picea, na cidade de Nápoles, considerada o berço da pizza. Inclusive, a verdadeira pizza é a pizza napolitana, e explicamos o porquê.

 

Em 1982 foi fundado, em Nápoles por Antonio Pace, a Associação da Verdadeira Pizza Napolitana (Associazione Verace Pizza Napoletana). 

 

A ideia inicial era promover a cultura e tradição italiana, defendendo a autenticidade da pizza napolitana. A pizza é conhecida como produto DOC — Di Origine Controllata (Denominação de Origem Controlada), o que significa que os produtos são elaborados com ingredientes regionais. 

 

Mas as exigências não são apenas essas. Segundo a Associação, o preparo da verdadeira pizza deve ser feito com farinha, fermento natural, água, sal e ser trabalhado apenas com as mãos. E como a Mamma honra as tradições italianas, seguimos à risca a forma de fazer e manusear uma pizza artesanal. Em 2019, lançamos a pizza Margherita Originale, que levava apenas molho de tomate, mozzarella de búfala e folhas de manjericão. 

 

Os tipos de pizza 

Para os italianos, as pizzas são as mais simples possíveis, nada de grandes misturas e nem bordas recheadas. A valorização dos ingredientes é fundamental e sentir o sabor da massa, do molho de tomate e cada item individualmente é o que faz a experiência valer. 

 

Você sabia que as pizzas não são apenas em formatos de discos, e que há muitos modelos? É exatamente o que nós vamos te contar agora.

 

  • Tonda — a pizza no formato redonda, porém reduzida, com massa bem fina e para ser apreciada individualmente é conhecida como Tonda;
  • Al Taglio — feita em forma retangular, é vendida em pedaços quadrados conforme o desejo do #pizzalover. Um clássico romano que tem como característica ser um lanche rápido do dia a dia;
  • Alla Pala — feita em forma retangular, com bordas arredondadas, essa pizza diferente da anterior é vendida por inteiro e costuma ser compartilhada;
  • Alla Milanese — feita com uma massa mais robusta e com um queijo que vem cobrindo os recheios;
  • Sfincione — feita com uma massa alta e em forma quadrada, coberta por molho de tomate, cebola, anchova, queijo e orégano;
  • Calzone — o já conhecido por nós Calzone é uma pizza fechada por massa com recheio dentro, quase que como um pastel, ela pode ser feita frita ou no forno.

 

Quando falamos em sabores, realmente é uma área mais delicada, certo? Cada um com o seu gosto, mas existem aqueles sabores que agradam qualquer paladar. Os mais consumidos pelos italianos são Margherita, Marinara, Diavola, 4 Stagioni, Boscaiola, Capricciosa e Parmigiana.

 

  • Margherita — composta por molho de tomate, mozzarella de búfala e manjericão, a Margherita possui as três cores da bandeira italiana e há quem diga que isso é proposital;
  • Marinara — simples, porém saborosa. A pizza Marinara é composta por molho de tomate, alho, orégano e azeite de oliva;
  • Diavola — com os mesmos insumos da Margherita, porém um pouco mais picante, a Diavola leva salame e azeite picante em sua composição;
  • 4 Stagioni — com base de queijo, essa pizza tem em suas fatias insumos diferentes. Alguns pedaços levam azeitonas, outros presunto, um alcachofra e outro cogumelos;
  • Boscaiola — outra combinação simples, porém um pouco mais ousada. Composta por mozzarella, linguiça e cogumelos;
  • Capricciosa — composta por insumos não tão usados no Brasil, a Capricciosa leva cogumelos, presunto cru, azeitonas pretas e alcachofra.

 

Já nas casas da Mamma, as pizzas que mais são consumidas são: Mamma Jamma, Mamma Quaresma e Mix de Cogumelos. E falando no Mix de Cogumelos Selvagens, que tal aprender essa receita deliciosa?

 

Mão na massa

A Mix de Cogumelos é uma das mais pedidas da Mamma. Que tal aprender a fazê-la em sua casa?

Se você ficou com vontade de colocar a mão na massa, vamos compartilhar com você a receita da queridíssima Mix de Cogumelos e claro, a receita da massa da Mamma que é a base de toda essa história. Esperamos que você goste! Buon Appetito

 

Preparo da Massa de Pizza

Ingredientes:

  • 5 xícaras de farinha de trigo do tipo 00;
  • 1 colher de café de fermento biológico fresco;
  • 2 ½ colheres de sopa de azeite de oliva;
  • 1 colher de café de sal;
  •  ½ xícaras de água mineral gelada.

 

Rendimento: 1,5 kg de massa, aproximadamente.

 

Modo de Preparo:  

  • Em um bowl misture a farinha e o sal;
  • em outro recipiente misture o fermento, a água gelada e o azeite
  • depois, misture todos os ingredientes e amasse fazendo movimentos circulares até que a massa comece a desgrudar das mãos; 
  • caso perceba que a massa ainda está grudando, acrescente um pouco mais de farinha; 
  • divida a massa em 4 partes iguais e faça bolas; 
  • disponha as bolas de massa em um tabuleiro, cubra com papel filme e coloque na geladeira para descansar por 24 horas;
  • passadas as 24 horas, retire a massa da geladeira e deixe descansar por mais 2 horas.

 

Mix de Cogumelos Selvagens

Ingredientes (1 pizza de 8 fatias)

Massa
  • 1 disco de pizza (400g de massa aberta com 35 centímetros de diâmetro); 
  • mix de cogumelos;
  • 1 bandeja de cogumelo shitake;
  • 1/2 xícara de cogumelo Paris; 
  • 1/2 xícara de cogumelo shimeji;
  • 1 dente de alho picado;
  • 2 colheres de sopa de azeite de oliva;
  • orégano a gosto;
  • sal a gosto.

 

Cobertura
  • 1/4 xícara de molho de tomate; 
  • mix de cogumelos;
  • 1 xícara de mozzarella ralada grossa;
  • 1 colher de sopa de queijo parmesão ralado fino; 
  • orégano a gosto.

 

Finalização

Azeite de oliva a gosto.

 

Preparo

Mix de cogumelos

Corte os cogumelos em fatias finas. Em uma panela, coloque o azeite de oliva, leve a fogo alto e, quando estiver bem quente, adicione o alho e mexa até dourar. Acrescente os cogumelos e refogue de 10 a 15 minutos. Tempere com orégano e sal e desligue o fogo.

 

Cobertura

Sobre o disco de massa, espalhe o molho de tomate. Em seguida, distribua o mix de cogumelos e cubra toda a superfície com a mozzarella ralada. Distribua o queijo parmesão e o orégano. 

 

Finalização

Leve ao forno como sugerido na receita de Massa da Mamma. Ao retirar, pincele a borda com azeite de oliva. 

 

E você? Já se aventurou na cozinha com alguma das nossas receitas? Mostre para a gente em nossas redes sociais! Estamos no Facebook e Instagram.

 

Mão na massa! Vamos cozinhar com a Mamma?

Foto: Derek Mangabeira.

SHARE: