Sophia Loren amante do queijo parmesão

Postado em 4 de maio de 2022 | por Mamma

Queijo Parmesão: um sabor único e acentuado para os cheese lovers

3 minutos para ler

A Mamma sabe que quando se trata de queijo, quanto mais, melhor! Já falamos sobre diversos tipos, formatos e origens dessa iguaria, mas hoje vamos abrir espaço para ele, conhecido por muitos como rei da categoria: o queijo parmesão!

Presente em muitas receitas da Mamma, ele carrega em sua história algumas curiosidades que, se você é realmente um cheese lover, precisa saber! Andiamo

A História do queijo Parmesão 

O queijo é um dos alimentos mais antigos do mundo. Ainda assim, os italianos conseguiram revolucionar o sabor e textura dessa maravilha. Não existem registros sobre o ano específico que o parmesão foi criado, mas acredita-se que foi em algum momento durante a idade média. 

Nessa época, era comum que os monges se reunissem para produzir alimentos, principalmente queijos. Foi assim que monges beneditinos do norte da Itália originaram o parmigiano-reggiano, na região de Parma. 

De lá para cá, a sua forma de produção foi aprimorada e o mundo só ganhou com isso! Vem com a Mamma entender um pouco melhor sobre o que diferencia o parmesão dos outros tipos de queijo. 

O Parmesão

Crostata de Queijo Parmesão da Mamma Jamma

Tudo começa com a qualidade dos insumos utilizados para uma fabricação de origem única. Primeiro, precisamos entender que o verdadeiro nome parmesão só pode ser dado a queijos produzidos na região da Emília Romana, ao norte do país da bota. 

Você está se perguntando: “o que acontece de tão diferente nessa região para haver essa restrição?” Algumas questões, como o leite usado, que precisa ser cru e as vacas que o produzem precisam ser alimentadas estritamente com capim e feno frescos. 

Em seguida, entra em cena o essencial papel dos queijeiros, que precisam ser muito bem qualificados para seguir os próximos passos com precisão:

  • separar o soro do leite com o spino, um instrumento especial para essa tarefa;
  • coalhar a massa no momento exato;
  • envolvê-la em uma tela de linho e achatá-la para ganhar o formato redondo que conhecemos;
  • ouvir o queijo, literalmente! Quando pronto, é necessário dar pequenas batidinhas — um som seco é um bom sinal. Caso haja um som de eco, significa que existem buracos e o queijo é descartado. 

Após todas essas etapas, nasce o queijo parmesão, com textura levemente arenosa e sabor frutado. 

Ah! O tempo de maturação também é um fator fundamental. Quanto mais tempo, mais forte será o sabor. É imprescindível que a maturação dure, no mínimo, um ano. 

Assim nasce um dos queijos mais amados e copiados do planeta! 

Claro que a Mamma não poderia terminar este artigo sem um mimo para você, cheese lover! Que tal fazer em casa a receita da nossa crostata de parmesão? Depois conta pra gente como ficou!